Casamentos Babies & Kids 15 anos
Topo

Navegue como ou

Compostagem: jeito simples de reciclar o lixo orgânico em casa

Not-So-Desperate-Housewife-porCZ

Admito a minha completa ignorância, pois até outro dia nunca tinha ouvido falar em compostagem. O tema surgiu em uma conversa durante o making of de um editorial com a Magnólia Makeup. Estava comentando que queria fazer algumas coisas para reduzir a produção de lixo em casa (a questão do lixo mundial anda me preocupando ultimamente), quando a Anita, da Magnólia, me perguntou por que eu não comprava uma composteira.

Ela me explicou como funcionava e eu achei o máximo! Depois comentei aqui na redação e nem todo mundo conhecia. Então achei que valia falar do assunto no blog, porque a compostagem parece ser a maneira mais sustentável de se reciclar o lixo orgânico que produzimos em casa! Segundo a Prefeitura, só na cidade de São Paulo, mais de 5 MIL TONELADAS de lixo orgânico doméstico são enviados DIARIAMENTE para aterros sanitários!!! É um problema sério!!

Bom, mas vamos ao que importa:

O QUE É COMPOSTAGEM? 

Basicamente, a compostagem é a transformação dos restos dos alimentos do dia a dia em adubo caseiro realizada por minhocas. A técnica não é nova, os agricultores já usam há tempos, mas o interessante é que a compostagem doméstica em grandes cidades vem ganhando muitos adeptos.

jardinagem-adubo-caseiro-compostagem-2

COMO É A COMPOSTEIRA? 

A composteira, ou minhocário como alguns chamam, é formada por três caixas. Nas duas primeiras caixas vai a terra, sendo a superior com minhocas. Após o processo de compostagem, a caixa do meio está repleta de húmus (adubo) e na caixa inferior, que tem uma torneirinha, fica armazenado o chorume. Este, rico em nutrientes e livre de agrotóxicos, é ótimo para borrifar nas plantas. A Anita me mostrou uma foto do antes e depois das plantas dela e, realmente, o adubo e o chorume são poderosos!

composteiras de vários tamanhos, para atender a necessidade de diferentes casas (para 2, 4, 6 pessoas…). Na internet, há vídeos que ensinam a fazer a composteira em casa, mas também é possível comprar o kit. No próximo post, vou deixar alguns links para quem quiser comprar.

jardinagem-adubo-caseiro-compostagem-1

( Imagem: revista Mundo Estranho )

COMO FUNCIONA?

O lixo orgânico (que pode ser frutas, legumes, casca de ovo, tudo que jogamos fora na hora de descascar e limpar os alimentos para o consumo) é digerido pelas minhocas ao longo de um mês. A gente descobriu que as minhocas mais recomendadas são as californianas, ou minhocas vermelhas.

PODE COLOCAR TUDO NA CAIXA?

Não! Alimentos como carnes, óleos e gorduras, temperos fortes (alho, cebola e pimenta), líquidos (leite, iogurte, sopa, caldo de feijão) e limão são proibidos. Papel (jornal, higiênico, sulfite e cia) e fezes de animais domésticos também não podem ser jogados na composteira!

O QUE É PRECISO FAZER?

Separar os alimentos, colocar na caixa superior, cobrir com folha ou serragem e fechar a caixa. Se os alimentos estiverem muito secos (desidratados) é bom irrigar um pouco para ajudar no processo. Uma dica que descobrimos é: quanto mais diversificado for o lixo, mais rico em nutrientes será o adubo.

NÃO FICA COM ODOR DESAGRADÁVEL? 

A composteira é higiênica e não exala nenhum tipo de odor desagradável. Se isso ocorrer, é porque o sistema está em desequilíbrio. Vale a pena ler esse uma matéria com mais informações aqui.

TENHO MEDO DE MINHOCAS, E AGORA? 

Bom, eu também tenho! Mas a Anita me explicou que como elas tem medo de luz, quando você abre a tampa para jogar o lixo, elas se escondem na terra. Só é preciso achar uma pessoa corajosa para montar a composteira para você.

Abaixo, tem um vídeo que explica melhor sobre a composteira doméstica. Vale a pena assistir!!

Veja também: 4 composteiras para comprar online

E mais: Passo a passo para fazer uma horta caseira

O site leva o meu nome, mas é aqui na coluna “Not so desperate housewife” que escrevo em primeira pessoa sobre as minhas experiências como dona de casa. Ainda tenho muito o que aprender nesse papel, mas já não estou mais completamente desesperada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *