Casamentos Babies & Kids 15 anos
Topo

Navegue como ou

DIY: Papel de presente pintado + anemona de crepom para enfeitar

diy-TESOURA

cz-decoracao-casa-coluna-we-did-it-juliana-daidone

Eu adoro personalizar os papéis que uso para embrulhar os presentes de Natal, e essa opção é super rápida e fácil. Aproveitei e já deixei outras folhas prontas para futuras embalagens. A anêmona da um toque mais feminino, já que escolhi cores escuras, e a opção com a fita deixa o resultado mais moderno e masculino. Mãos à obra?

Para a pintura do papel

Você pode usar o tipo de papel que preferir. Eu usei papel de seda e color plus. O papel de seda é sempre mais “chatinho”na hora de embalar, já que a massa com facilidade, mas é uma opção mais barata. Já o color plus deixa a embalagem mais elegante. Para a pintura, fiz uma mistura de tinta acrílica azul escura e pérola. A idéia era criar uma cor que não desse tanto contraste quanto o branco e que tivesse um pouco de brilho. Mergulhe o pincel na tinta e não retire nenhum excesso, pois isso é o que vai criar os diferentes tamanhos e dar textura. Depois é só levantar as cerdas do pincel com o dedo e se divertir criando sua pintura.

cz-decoracao-casa-coluna-we-did-it-juliana-daidone-3

Para a Anemona

Para a anêmona, você vai precisar de papel crepom (de preferência parafinado), algodão, durex, tesoura e arame encapado, que você encontra em armarinhos ou loja de materiais para artesanato. Prenda o algodão na ponta do arame e cubra com o papel crepom. Corte uma tira de crepom com 7cm de comprimento e 5cm de altura. Depois corte uma franja e enrole ao redor do miolo da flor. Corte as pétalas de acordo com o molde e prenda com durex, franzindo um pouco para criar movimento.

cz-decoracao-casa-coluna-we-did-it-juliana-daidone-4

cz-decoracao-casa-coluna-we-did-it-juliana-daidone-2

O resultado

cz-decoracao-casa-coluna-we-did-it-juliana-daidone-1

Version 2

Juliana Daidone é formada em Marketing e, em 2002, abriu a SaLA. Depois de 6 anos, resolveu se reciclar, partiu para Nova York, fez Parsons, aprendeu muito e voltou para reativar a SaLA com novas propostas. Hoje, mantém uma loja online, dá assessoria a lojistas, mantém um blog e continua cheia de surpresas, mas, no fundo, Juliana é uma arteira, daquelas que botam a mão na massa, sempre a mil por hora, colocando em prática as ideias mais interessantes. E adora compartilhá-las!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *