Casamentos Babies & Kids 15 anos

Colunas

Exibindo página 3 de 949

Navegue como ou

Saiba tudo sobre a campanha Segunda sem Carne

Vocês já ouviram falar por aí da Segunda sem Carne? Trata-se de um movimento que propõe uma alimentação vegana, ou seja, sem alimentos de origem animal, uma vez na semana com o intuito de conscientizar as pessoas sobre o impacto do consumo de animais na saúde, no meio ambiente, na sociedade e no planeta. A campanha, que existe em 35 países, chegou ao Brasil em outubro de 2009. Eu não sou vegetariana, mas ultimamente tenho diminuído bastante o consumo de produtos de origem animal na minha alimentação e acredito que essa seja uma tendência mundial. Nossa população vem crescendo cada vez mais e é sim preciso pensar em como alimentar todo mundo, pois vai chegar uma hora em que a produção não vai dar conta do consumo. E acredito que reduzir o consumo de carne ajuda o meio ambiente. Vale lembrar, no entanto, que esse movimento não pretende transformar as pessoas em vegetarianas ou veganas, mas sim estimulá-las a descobrir novos sabores e conscientizá-las acerca dos cuidados com os animais e o ambiente que as cerca. Acho bem interessante fazer uma alimentação diferente da habitual uma vez por semana, pois o nosso organismo acostuma com os estímulos de sempre, sem contar que as proteínas de origem animal acidificam nosso organismo e investir mais em grãos, verduras e legumes ajuda a alcalinizá-lo, como se fosse uma desintoxicação. Então, convido todos vocês a aderirem ao movimento Segunda sem Carne, usando a criatividade para fazer pratos diferentes do habitual, lembrando que grãos como feijão, ervilha, grão de bico, lentilha e quinua são...
Leia mais

Compostagem: jeito simples de reciclar o lixo orgânico em casa

Admito a minha completa ignorância, pois até outro dia nunca tinha ouvido falar em compostagem. O tema surgiu em uma conversa durante o making of de um editorial com a Magnólia Makeup. Estava comentando que queria fazer algumas coisas para reduzir a produção de lixo em casa (a questão do lixo mundial anda me preocupando ultimamente), quando a Anita, da Magnólia, me perguntou por que eu não comprava uma composteira. Ela me explicou como funcionava e eu achei o máximo! Depois comentei aqui na redação e nem todo mundo conhecia. Então achei que valia falar do assunto no blog, porque a compostagem parece ser a maneira mais sustentável de se reciclar o lixo orgânico que produzimos em casa! Segundo a Prefeitura, só na cidade de São Paulo, mais de 5 MIL TONELADAS de lixo orgânico doméstico são enviados DIARIAMENTE para aterros sanitários!!! É um problema sério!! Bom, mas vamos ao que importa: O QUE É COMPOSTAGEM?  Basicamente, a compostagem é a transformação dos restos dos alimentos do dia a dia em adubo caseiro realizada por minhocas. A técnica não é nova, os agricultores já usam há tempos, mas o interessante é que a compostagem doméstica em grandes cidades vem ganhando muitos adeptos. COMO É A COMPOSTEIRA?  A composteira, ou minhocário como alguns chamam, é formada por três caixas. Nas duas primeiras caixas vai a terra, sendo a superior com minhocas. Após o processo de compostagem, a caixa do meio está repleta de húmus (adubo) e na caixa inferior, que tem uma torneirinha, fica armazenado o chorume. Este, rico em nutrientes e livre de agrotóxicos, é ótimo para borrifar nas plantas. A Anita me mostrou uma foto...
Leia mais

Vídeo: passo a passo para fazer um Jardim vertical em formato de quadro

Jardins verticais são um charme e dão uma cara diferente ao verde que a gente costuma ter dentro de casa. É uma tendência que veio para ficar, já que ele ocupa pouco espaço. Fiz esse passo a passo pensando mais como uma peça decorativa, já que é pequeno. Como nem sempre temos tempo para cuidar das plantas, você pode plantar leguminosas e outras espécies que exigem poucas regas. Essa opção é dois em um: você decora a parede ao mesmo tempo que tem plantas, pois como diz o nome, é um quadro verde. Aperte o play e siga o passo a passo. Você vai ver que o é muito fácil e o efeito final é lindo! https://youtu.be/uAjpzyrk2vc [author] [author_image]http://casaedecor.constancezahn.com/wp-content/uploads/sites/3/2014/02/juliana-daidone.jpg[/author_image] [author_info]Juliana Daidone é formada em Marketing e, em 2002, abriu a SaLA. Depois de 6 anos, resolveu se reciclar, partiu para Nova York, fez Parsons, aprendeu muito e voltou para reativar a SaLA com novas propostas. Hoje, mantém uma loja online, dá assessoria a lojistas, mantém um blog e continua cheia de surpresas, mas, no fundo, Juliana é uma arteira, daquelas que botam a mão na massa, sempre a mil por hora, colocando em prática as ideias mais interessantes. E adora compartilhá-las![/author_info]...
Leia mais

Germinação de grãos: agregue valor nutricional à dieta

Por acaso você já ouviu falar sobre germinação de grãos? Trata-se basicamente da transformação de um grão ou semente em planta. O processo pode ser feito com grãos, como soja, feijão, lentilha, ervilha, grão de bico, ou sementes de linhaça, chia, entre outras. Esse método desencadeia algumas reações químicas no interior do grão que ajudam a reduzir os fatores antinutricionais que ele possui, como o ácido fítico, que é um componente que atrapalha a absorção de outros nutrientes presentes no alimento. Sendo assim, ao germinar esse grão, você melhora a digestibilidade do alimento, já que o processo atua na quebra dos carboidratos, facilitando sua digestão. Estudos comparando o conteúdo nutricional de grãos germinados com grãos não germinados comprovaram que os primeiros possuem maior teor de proteína, fitoquímicos e antioxidantes. Informações essas valiosas para os vegetarianos de plantão, que podem usar esses grãos como fonte de proteína na alimentação. Mas, como fazer a germinação? É bem simples! Escolha as sementes ou grãos que quer colocar para germinar e deixe-os de molho em água na temperatura ambiente por 12 horas. Ao fim desse tempo, elimine a água e lave-os. Apenas fazendo isso, já é possível obter um grão mais nutritivo, acredita? Mas, continuando... Acomode os grãos ou sementes em um recipiente úmido, mas sem que ele fique de molho. Você pode até mesmo coloca-los em uma peneira com uma recipiente embaixo. Regue-os duas vezes ao dia. Pronto! Em um ou dois dias, dependendo do grão ou semente, você já vai começar a ver os cabinhos. Até a próxima, Karina. (Foto: reprodução)...
Leia mais

Decoração de mesa de almoço para o Dia das Mães

Para celebrar o Dia das Mães, que acontece no próximo domingo (8), a Fabiana Moura preparou uma linda decoração de mesa de almoço para a gente. A ideia foi criar um decor para uma mãe clássica, romântica e chic, e dai nasceu a paleta de cores azul marinho e rosa claro. Fabiana fez questão de usar toalha, porque ela acredita que remete à casa de mãe. Para esta mesa, a escolhida foi uma de renda renascença da Mesalinho, e como ela é quadrada e a mesa retangular, a decoradora optou por colocá-la na diagonal, formando bicos nas laterais. Os pratos de porcelana Rosenthal são super clássicos, com rosas pintadas e acabamento dourado, e contribuíram para o romantismo buscado. Estes e toda louça e talheres foram locados na Casa das Festas. O sousplats cor-de-rosa da Vintage + Cool para Mesalinho completaram os lugares. Seguindo as cores propostas, a Monica Rezende preparou arranjos lindos e muitos especiais, todos dispostos em garrafinhas azuis do acervo dela e vasinhos de prata. Aliás, ela deu a dica de sempre guardar vidros de perfume, bebidas e cremes. As garrafas de vinhos, por exemplo, podem ser cortadas no vidraceiro para virarem vasos baixos. Nos arranjos, uma flor muito especial: a Garden Rose. Esta flor é plantada na Colômbia e é super difícil de consegui-la no Brasil, por isso ficamos muito felizes. Além dela, entraram nos arranjos do centro de mesa, rosa spray porcelana, rosa tradicional, flores de angélica, mas só as pontinhas, e semente de aroeira cor de rosa e outras pintadas de azul. No lugar da mãe, bouquet com a tag "Feliz Dia das Mães".  Para completar a ambientação, Fabiana...
Leia mais

Aprenda a ler os rótulos dos alimentos para te ajudar a manter a forma

Atualmente, os mercados vêm oferecendo cada vez mais variedades de produtos de todo os tipos, inclusive os ditos “saudáveis”. Mas, será que eles são, de fato, saudáveis? A resposta está no rótulo dos alimentos, mas como para algumas pessoas eles podem ser complicados de entender, resolvi falar sobre o tema para ajudá-la a decifrar o que dizem aquelas letras minúsculas no verso dos produtos. Assim, você consegue escapar dos alimentos que parecem saudáveis, mas não são e ainda repensar suas escolhas. Vamos começar pelos ingredientes. Normalmente, eles são dispostos em ordem decrescente, ou seja, o primeiro ingrediente é aquele que está presente em maior quantidade naquele produto e o último em menor quantidade. Sendo assim, se você ler o rótulo de um produto integral e o primeiro ingrediente listado for farinha de trigo normal, isso significa que esse alimento não é tão integral quanto diz ser. Outro exemplo que gosto de dar é se você pegar um produto que o primeiro ingrediente é açúcar, isso quer dizer que esse alimento tem mais açúcar do que qualquer outro ingrediente. Então, melhor ficar longe! Atenção aos produtos que listem ingredientes com nomes muito estranhos e que você não reconheça como alimento. Quanto mais ingredientes, pior. E o ideal é que não tenha muitos conservantes, corantes e espessantes. O esquema abaixo ilustra tudo o que devemos nos atentar em um rótulo. Sim, dá trabalho, pois tem muita informação, mas vale a pena aprender e ficar sempre de olho, pois assim você vai saber de cara se vale a pena consumir aquele produto...
Leia mais

Receita de sorvete de figo orgânico caseiro

Sorvete é realmente um vício em todas as pessoas da minha família, e por causa disso, vou dividir um monte de receitas gostosas com você. Por aqui, comemos sorvete o ano inteiro, e mesmo no inverno não conseguimos fugir dele. Será que existe algum grupo de suporte aos viciados em sorvete? Enquanto não descubro esse grupo, aqui vai a primeira de muitas receitas… Como não tenho o hábito de comer frutas, apesar de saber da importância que elas têm, tentei unir o útil ao agradável e fiz um sorvete de figo orgânico. Ok, o resto da receita não leva ingredientes orgânicos, mas já estou tentando novas receitas 100% saudáveis. Fiz em copinhos descartáveis, mas você pode criar na forma do sorvete, pois há vários moldes disponíveis em lojas de produtos para cozinha, inclusive as práticas formas de silicone. Sem falar naquelas tradicionais, de metal, em formatos divertidos. E você também pode adaptar a receita com outras frutas. Uvas verdes deixa o sorvete muito bonito, por exemplo. E super gostoso, claro! O balde lindo da foto, eu já ensinei a fazer. Se você não viu, é só clicar aqui! https://youtu.be/-Gnh83OnnF0 [author] [author_image]http://casaedecor.constancezahn.com/wp-content/uploads/sites/3/2014/02/juliana-daidone.jpg[/author_image] [author_info]Juliana Daidone é formada em Marketing e, em 2002, abriu a SaLA. Depois de 6 anos, resolveu se reciclar, partiu para Nova York, fez Parsons, aprendeu muito e voltou para reativar a SaLA com novas propostas. Hoje, mantém uma loja online, dá assessoria a lojistas, mantém um blog e continua cheia de surpresas, mas, no fundo, Juliana é uma arteira, daquelas que botam a mão na massa, sempre a...
Leia mais

Mesa de Páscoa para um almoço em tons de violeta e rosa

Para este editorial de mesa de Páscoa, a ideia foi uma decoração com toque provençal. A Fabiana Moura, nossa parceira que decorou recentemente a mesa de verão e também foi a responsável pela versão kids da mesa de Páscoa, criou um projeto lindo e com ideias fáceis de se reproduzir. O principal foi trabalhar com os ovos - não como vasinhos, e sim como base/recheio dos vasos de flores. Aliás, a FP Ateliê, que fez todos os arranjos florais desta mesa, substituiu a porcelana por cestos de ovos e telas de galinheiro. Fofo, né? As flores seguiram a paleta de cores marcada pelos tons de violeta e rosa, e as mais usadas foram: tulipas, rosas, lisianthus, flores de cenoura e lavandas. O arranjo central foi o mais diferente. Nele, colocamos ovos pintados (usei tinta acrílica rosa, roxa, cinza e branca para criar os diferentes tons) com florzinhas brancas entre eles. Para os lugares, um lindo caminho de mesa branco da Mesalinho acomodou sousplats rosa ( Mesalinho para Vintage Chic) e pratos brancos trabalhados (da D.Filipa). Usamos guardanapos brancos com rendinha e outros lilás por baixo para dar destaque à borda (ambos da Mesalinho ), com placecards desejando Feliz Páscoa ( que você pode fazer download no nossos Goodies e imprimir) e biscoitos em formato de coelhinho da Tais Fernandes para arrematar. A Fabiana Moura preparou também o aparador para um chá após o almoço. Nele, chamou a atenção o grande arranjo de flores que a FP Ateliê fez dentro de um antigo e rústico escorredor de pratos da D.Filipa. As xícaras cor de rosa e lilás também são da D.Filipa. Os coelhinhos de porcelana foram recheados com amêndoas confeitadas da Conti Confetteria nas cores da mesa. E o coelhão de porcelana é da Pop Mobile. Fotos:...
Leia mais

Primeiro almoço de Páscoa em casa

Ano passado, fizemos nosso primeiro almoço de Páscoa. Havíamos nos mudado há pouco e apesar de a casa ainda não estar 100% pronta, queríamos receber a família. Fizemos uma mesa simples em amarelo e laranja, sem grandes produções... mas acho que combinou com a decoração rústico-clean-contemporânea do apartamento. rs Contei com a ajuda da minha cunhada, que é louca por Páscoa (e Natal), e tem um acervo de coelhos, ninhos e ovinhos de deixar a Cecilia Dale com inveja! rs Ela também mandou fazer o caixote para o arranjo central. Pegamos como referência uma mesa de Páscoa da Martha Stewart com narcisos, que eu achei que combinaria bem com os quadros da sala de jantar. Seguindo o meu lema de praticidade, encomendei o almoço no Zest in the Box, que todo ano prepara um menu de Páscoa para entrega. Escolhi nossos pratos preferidos. Uma delícia como sempre!  O almoço do Buffet Zest: * E falando em Páscoa, já viram todos os posts na nossa tag dedicada ao tema? Tem muitas ideias lindas! [author] [author_image]http://casaedecor.constancezahn.com/wp-content/uploads/sites/3/2015/05/constance-zahn.jpg[/author_image] [author_info] O site leva o meu nome, mas é aqui na coluna "Not so desperate housewife" que escrevo em primeira pessoa sobre as minhas experiências como dona de casa. Ainda tenho muito o que aprender nesse papel, mas já não estou mais completamente desesperada.[/author_info]...
Leia mais

DIY: Ovos decorados com découpage para a Páscoa

O ovo de Páscoa é o personagem principal nesta que é uma das minhas datas preferidas, pois o clima de festa e a expectativa da criançada são contagiantes. As opções de decoração são infinitas e aqui vai uma delas. Esse "faça você mesmo" é para quem tem paciência e mãos bem delicadas.  Para ficar mais bonito e natural, usei ovo de galinha, e isso exige mais cuidado na manipulação. O segredo para essa découpage ficar bem bonita é recortar os desenhos o mais perto possível, ou seja, sem deixar o branco do guardanapo aparecer. No post da semana que vem vou mostrar como usar esse ovo de Páscoa na decoração da sua festa, com algumas idéias adaptadas para a ocasião. Material: cola branca, pincel, ovo e guardanapo estampado (esse comprei na Zara). O primeiro passo é tirar uma ou duas camadas do guardanapo, o que vai depender do tipo que você comprar; o importante é deixar só a camada onde está o desenho. Depois recorte os desenhos que escolheu. Lembre-se da dica que dei no começo do post: corte bem rente ao desenho. E agora é só colar. Colar é a parte que exige paciência, porque se você não tiver cuidado, o papel vai rasgar. Passe um pouco de cola na superfície do ovo, coloque uma das pontas do papel e cole o restante aos poucos com a ajuda do pincel. Espere a cola secar por alguns minutos, antes de colar mais desenhos. Repita quantas vezes você achar necessário, dependendo de se você desejar com mais ou com menos desenhos no seu...
Leia mais