Casamentos Babies & Kids 15 anos
Topo

Navegue como ou

20 dias sem adoçar bebidas. Topa o desafio?

nutricao-em-casa

Gostaria de propor um desafio: que tal ficar 20 dias sem adoçar bebidas como café, chás e sucos? Nem com açúcar, nem com adoçante. E aí, topa? Proponho isso porque vejo que cada vez mais as pessoas têm sentido a necessidade de adoçar tudo o que tomam, exagerando, muitas vezes, na dose do adoçante. Imperceptivelmente, com o passar dos dias, elas acabam usando uma quantidade cada vez maior para agradar o paladar. Pode reparar.

E quanto mais doce ingerimos, mais o nosso corpo quer esse sabor e como o adoçante já é naturalmente mais doce do que o açúcar, vamos sentindo uma necessidade ainda maior de adoçar e quanto mais doce pior. Estou falando também de produtos diet ou até de receitas que se dizem fit, mas estão cheias de adoçante.

cz-decoracao-casa-coluna-nutricao-em-casa

Nossa língua e nosso intestino são repletos de receptores para o gosto doce e quanto mais açucarado é um alimento, maior a ativação desses receptores e maior a absorção de açúcar pelo nosso organismo. O que eu quero dizer, portanto, é que o adoçante pode facilitar ainda mais a absorção de alguns carboidratos de alto índice glicêmico, levando nosso corpo a produzir mais insulina e aumentando as chances de armazenar tudo isso em forma de gordura. Um verdadeiro ciclo vicioso.

Durante a gravidez, muitas mulheres optam pelo consumo de adoçante para evitar os indesejados quilos a mais; enquanto outras são diabéticas e precisam substituir o açúcar refinado por adoçante. Em qualquer um dos casos, o recomendado é manter-se longe dos adoçantes a base de frutose, ciclamato de sódio e aspartame, já que essas substâncias podem provocar hiperglicemia, aumento dos triglicérides (no caso da frutose) e causar danos genéticos ao bebê.

Por essas razões evitar adoçar qualquer preparação é o melhor a se fazer. Quando for inevitável, consuma um pouco de açúcar em doses controladas. Mas é claro que cada caso é um caso e temos de levar isso em consideração.

Você vai perceber que restringir um pouco o açúcar/adoçante vai ajudar, inclusive, no estímulo do seu paladar, pois quando adoçamos um alimento, não sentimos outros gostos, como amargo ou azedo. De quebra, quando você diminuir o consumo desses produtos, a vontade de doce também vai diminuir bastante.

Não estou falando para nunca mais adoçar bebidas na vida, mas experimente reduzir o consumo e acostumar seu paladar ao sabor natural dos alimentos. Isso vai fazer com que qualquer bebida fique ainda mais saborosa e o seu metabolismo trabalhe muito melhor. E então, topa o desafio?

Até a próxima,

Karina

Veja também: A abóbora: uma aliada de peso na alimentação

E mais: Como higienizar frutas com casca, legumes e verduras?

(Foto: Reprodução)

Drª Karina Al Assal é nutricionista graduada pelo Centro Universitário São Camilo, especialista em nutrição clínica pelo Hospital Sírio Libanês, especialista em nutrição clínica funcional pelo Instituto Valéria Paschoal e mestranda em nutrição e cirurgia metabólica do aparelho digestivo pela Faculdade de Medicina de São Paulo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *