Casamentos Babies & Kids 15 anos
Topo

Navegue como ou

Decoração rústica em vinho, dourado e vermelho para a mesa de Natal

fabiana-moura-02-1

O que me encanta ao fazer uma decoração de Natal é que podemos encontrar diversas maneiras de compor e criar dentro desse padrão pré-definido pelo tema. Podemos brincar só com o vermelho, só com o dourado, dourado com prata, verde com vermelho, enfim… criar e recriar a cada ano para inovar e sair do óbvio.  Para o editorial deste ano, clicado pelo querido Roberto Tamer, resolvi apostar em um conceito mais rústico, algo que remeta à uma floresta nevada, com bastante madeira e elementos secos. E associados à esta textura da madeira e estes tons de marrom, brinquei com os tons de branco, café com leite, um vermelho mais fechado (um tom entre o cereja e o vinho), e toques do dourado para dar aquele charme glamouroso. Amei esse mix de texturas o que contribuiu totalmente para deixar o resultado mais despojado e aconchegante, mas sem perder a sofisticação que a ocasião pede.

Tudo começou com uma escolha acertiva: a mesa laqueada nude da Voilá Festas. Esse tom deu uma base neutra para toda a composição e deixou todo o destaque para os toques do cereja com o dourado. Outro que amei, e quis trazer de inspiração para vocês, foi a substituição de um sousplat por uma bolacha de madeira. Não ficou simplesmente demais? As cadeiras vermelhas são da Santa Festa.

Para os guardanapos, sempre adoro propor novas possibilidades. E aqui, fiz a seguinte brincadeira: uma dobra retangular horizontal envolvendo os pratos e por cima o menu, ao lado de um lindo cookie decorado da Sweet Carolina e um galho seco de eucalipto para arrematar. Puro charme!!

Outro destaque dessa mesa foi, sem dúvida, toda a criação floral da Lucia Milan! Gente, o que é este centro de mesa, alguém me explica?? Começando por este tronco maravilhooooso super orgânico e rústico. Aí vem a Lú e cria simplesmente uma obra de arte em partes dele, algo como se tivesse saído da natureza mesmo, como se brotasse do próprio tronco, um espetáculo à parte!! Amei a forma, as cores, os elementos, as texturas, tudo!! Ela utilizou eucalipto seco, solanos (frutos do nordeste pintados de dourado), folha de embaúba desidratada que segundo suas palavras “você pega do chão mesmo” (e que para mim foi o toque de mestre, absolutamente lindo), cravo vinho, rosa black, ornitogalo, amaranto vinho, galhos de algodão, folhagens pintadas de dourado, carqueja seca e outros elementos secos. Um mix muito rico, criativo e totalmente fora do óbvio.

E para arrematar toda a composição, utilizei caminhos de mesa xadrez da Santa Festa também totalmente integrados à paleta, as cadeiras no mesmo tom de vermelho cereja, mimos dourados como a silhueta de rena e prismas de vidro e mini redomas de vidro com cerejas dentro. Aqueles detalhes que encantam e fazem toda diferença, não é mesmo?

Fotos: Roberto Tamer | Decoração: Fabiana Moura | Projeto floral: Lucia Milan | Mesa: Voilá Festas | Cadeiras e enxoval: Santa Festa | Cookies decorados: Sweet Carolina 

Fabiana Moura é formada em Arquitetura e Urbanismo, e em 2009, fundou a Fabiana Moura Projetos Personalizados. Hoje, Fabiana se realiza plenamente transformando a celebração de datas importantes em eventos especiais e inesquecíveis. Por aqui, Fabiana compartilha um de suas multifaces profissionais, compartilhando dicas práticas e ideias para receber com charme e carinho!

. . . . . . . 

E mais: Decoração com flores, legumes e mix de pratos para um almoço em casa

15 luminárias de Ingo Maurer da nova loja da Fas Iluminação

Quem nos acompanha aqui no site já viu matérias com as famosas luminárias do designer alemão Ingo Maurer (neste link). No Brasil, ele é representado com exclusividade pela Fas Iluminação, que inaugurou recentemente sua nova loja em São Paulo. Durante a última edição da Design Weekend, tivemos a oportunidade de conhecer o espaço comandado por Arystela Rosa Paz e Bernardo Paz na mais famosa rua de decoração da cidade, a Alameda Gabriel Monteiro da Silva.

A loja ficou linda após a reforma comandada pelo próprio Ingo. O que mais gostamos é que tem diversos ambientes montados para os clientes verem as peças instaladas, o que facilita bastante na hora de escolher. “Como todo artista, ele é extremamente meticuloso e não deixou escapar nenhum detalhe. Das paredes desiguais dos lavabos à atmosfera campestre da copa, foi ele que encaminhou todas as escolhas”, conta Arystela.

Por lá, dá para encontrar desde a pop Bulb, a primeira luminária projetada pelo designer, passando por peças consideradas verdadeiros clássicos do design como os spots com tirantes da linha Ya Ya Ho, até uma versão brasileira do lustre Porca Miséria, formado por dezenas de cacos de louça em suspensão, produzida com exclusividade por Ingo para a nova loja da Fas Iluminação.

Além das obras de Ingo, a loja ainda oferece criações das marcas alemãs NEXT, Serien Lighting, ClassiCon, e da Italiana Oty Light. Dá uma olhada nas 15 peças que mais gostamos:

No teto, a luminária Golden Ribbon

Oh Man, It’s a Ray!

Veramente al Dente

Zettel’z 6

Modelo Birdie

O modelo Bulb tem 50 anos

One From The Heart

J. B. Schmetterling

Campari Bar

Pendente Canned

Lucellino Tisch

Luminária de piso Bastardo

Modelo Moonati

Porca Miseria!

Light Au Lait

Casa de campo construída para apreciar a Serra da Mantiqueira

Quando foi contratada para projetar a casa de campo desta família em São Francisco Xavier, interior de São Paulo, a R.A.P. Arquitetura e Interiores não pensou duas vezes, queria aproveitar ao máximo a vista da região. “Propusemos uma casa com todos os ambientes voltados para a Serra da Mantiqueira. Implantamos a propriedade no final do platô existente, debruçada na mata, mantendo as árvores existentes que passam pelo meio do deck de madeira, local de convívio muito especial para contemplar a vista e se aquecer ao sol que bate nele o dia inteiro”, contam Alessandra Riera e Ana Paula Veirano, nomes por trás do criativo.

E como a casa tinha o intuito de reunir a família para passar bons momentos juntos, outra preocupação era ter os ambientes todos integrados. “Interligamos os espaços através de uma varanda externa e um corredor interno, para onde os quartos estão voltados. São 3 suítes, lavabo, um mini escritório, uma despensa, cozinha integrada com a sala e varanda. Sob a parte da casa que estava em balanço no terreno fica a lavanderia, depósito e a área técnica”, conta os arquitetos, que conseguiram interligar até a lareira. “A ideia era atender dois ambientes, a sala e a varanda.”

Na decoração, revestimentos naturais e materiais como couro, madeira de demolição e pedra se destacam. Destaque para as poltronas e sofás grandes e confortáveis nas áreas sociais e os armários coloridos, azul na cozinha e verde nos quartos, que colorem e trazem um toque contemporâneo para a casa.

Fotos: Evelyn Muller | Arquitetura, interiores e luminotécnica: R.A.P. Arquitetura e Interiores | Esquadrias e marcenaria: Sergio Gilole | Decoração: Kika Petersen da Estúdio PK

. . . . . . . . . . . 

Veja também: Casa de campo contemporânea com revestimentos naturais

E mais: O lar da arquiteta Triana Serrano com vista para o morro Dois Irmãos